fis-entrada

fis-entrada

A Faculdade de Integração do Sertão – FIS é mantida pela Sociedade de Ensino Superior de Serra Talhada – SESST e foi credenciada pelo Ministério da Educação, conforme Portaria MEC nº 1.931, de 07 de dezembro de 2006, publicada no DOU de 08 de dezembro de 2006, iniciando suas atividades educacionais em 12 de abril de 2007.

 

Localizada no município de Serra Talhada, à 418 km da capital do estado Recife pela BR 232, principal via de acesso do litoral do estado ao interior e fazendo limite com o estado da Paraíba, centralizando no raio de 150 km, cerca de 70 municípios, com uma população de mais de 1 milhão de habitantes.

 

O Plano de desenvolvimento Institucional procura atender às exigências do Sistema Federal de Ensino contido na Lei 9.394 e no Decreto 3.860/2001. Foram consideradas as circunstâncias, a conjuntura sócio político-econômica e as especificidades regionais, acrescidas de aptidões, habilidades e competências reunidas, em todos os seus segmentos de atuação, no processo de construção do conhecimento.

 

Os Projetos pedagógicos pretendidos pela Faculdade de Integração do Sertão, constituem-se em instrumentos de realização histórica, no plano de ações típicas de uma Instituição comprometida com o ensino, a pesquisa e a extensão, na perspectiva de reafirmar o compromisso da Instituição com a Sociedade e o Ministério da Educação através de elementos que fortaleça as suas políticas institucionais (ensino, pesquisa, extensão e gestão).

 

A FIS surgiu do sentimento agregador de cidadãos locais, que preocupados com o êxodo estudantil para os grandes centros urbanos, afastando os jovens do convívio familiar, e consequentemente, deixando de fora do sistema universitários a grande maioria da população por não possuir recursos financeiros para enviar seus filhos para a capital, impedindo o crescimento individual que por consequência, reprimia o desenvolvimento regional.

 

A contextualização econômica e cultural transforma-se em indicativos fundamentais para uma possível prospecção do mercado educacional, na medida em que esse crescimento exige não somente a especialização dos setores, como necessariamente requerer dos seus agentes uma formação técnica e profissional.

 

A implantação de uma instituição de ensino superior nos moldes da Faculdade de Integração do Sertão – FIS vem suprir a deficiência neste sentido, e proporcionando enormes e incomensuráveis oportunidades de desenvolvimento de tão extensa região polarizada por Serra Talhada.
Nesse sentido, a Faculdade de Integração do Sertão – FIS representa uma concreta possibilidade de profissionalização do mercado de trabalho e de garantia de acesso à demanda educacional de toda uma região. A Faculdade de Integração do Sertão chega nesse celeiro de oportunidades com as propostas pedagógicas mais atualizadas possíveis e com cursos que atendem a várias áreas do conhecimento, com perspectivas de também inovar não só no campo da graduação, como no da pós-graduação.

 

Essa visão remete ao desenvolvimento local, à participação social e ao comprometimento com o aumento na qualidade do nível de profissionalização e de acesso ao ensino superior para milhares de pessoas que não somente querem como fazem questão de permanecer em seu município, aprender o seu ofício e colocá-lo a serviço de sua comunidade. Torna-se legítimo, portanto, o compromisso e a atuação da Faculdade de Integração do Sertão nesse cenário de demandas específicas e consideráveis.

 

Desde então, A Instituição vem investindo em qualificação profissional, tecnologia e infraestrutura, conquistando reconhecimento local e regional por seu trabalho na área educacional, ofertando 2000 vagas anuais nos seus cursos de graduação e pós-graduação.